Uma bezerro nasceu com duas cabeças em Caiapônia, no interior de Goiás, na última terça-feira (3). No entanto, o animal não conseguia se alimentar direito e morreu apenas cinco dias após o nascimento, neste domingo (8). As informações são do G1.

Zica Soares, dona da fazenda onde o animal nasceu junto ao marido, Nelcino Ferreira Goulart, conta que eles nunca tinham visto um caso como esse. “Nunca imaginei nascer um bezerro assim aqui na fazenda, ficamos surpresos”.

Zina e Nelcino chegaram a improvisar uma mamadeira para o bezerro porque ele não conseguia mamar normalmente da mãe. O animal também não ficava em pé. “O veterinário disse que ou sacrifica ou cuida até o fim. Ele está muito mal, bem fraco, mas estou cuidando dele”, disse Zica, horas antes de o bezerro morrer.

(Foto: Zica Soares/ Arquivo pessoal)

O veterinário Daniel Ribeiro Camargos explica que casos como esse são incomuns. “Provavelmente, uma consanguinidade que deu e o bezerro nasceu com anomalia. É uma situação muito rara”, explicou.

FONTE: NOTÍCIAS AO MINUTO