Rodrigão marca dois contra o Linense e começa bem a temporada (Foto: Ivan Storti/ Santos FC)

O atacante Rodrigão viveu um período de incertezas nos últimos dois meses. Cobiçado por Grêmio, Vitória, Bahia e Sport, o jogador chegou a ser considerado uma moeda de troca pela diretoria santista, que não o via com ‘tarimba’ suficiente para ser o substituto ideal de Ricardo Oliveira. A desconfiança era tanta que o clube trouxe Kayke para ser a ‘sombra’ do camisa 9. O centroavante de 23 anos, porém, foi bancado pelo técnico Dorival Júnior e não vem decepcionando.

Sem Oliveira, que perdeu duas semanas de pré-temporada por causa de caxumba, Rodrigão foi titular no jogo-treino contra o Nacional-SP, no amistoso diante o Kenitra, no Pacaembu, e na estreia do Campeonato Paulista, nesta sexta-feira (03 de fevereiro), frente ao Linense, na Vila Belmiro. E em apenas três duelos, o atacante anotou quatro gols.

Os dois últimos tentos foram os mais importantes, pois serviram para abrir a goleada de 6 a 2 sobre o Elefante do interior. O técnico Dorival Júnior mostrou-se satisfeito com a atuação do centroavante.

“O Rodrigo é assim: fez um número grande de gols no ano passado e não teve um trabalho mais intenso com a nossa equipe. Queria ter a oportunidade de mantê-lo e dar um tempo de adaptação. Ele pode produzir mais. Foram gols importantes os de hoje. Ele tem que ter a noção que a intensidade de trabalho dele fará com que as coisas melhorem”, explicou o comandante do alvinegro.

Já Rodrigão, por sua vez, credita a boa fase com o trabalho intenso que realizou desde a reapresentação do Peixe, no último dia 11 de janeiro. “Isso é fruto do trabalho, da pré-temporada que a gente fez, sendo bem dedicado. Temos que mostrar o nosso ritmo, o nosso futebol, e mostramos nossa parte. Feliz pelos gols”, resumiu o jogador.

FONTE: FOX SPORTS