O servente de pedreiro Francisco Cristóvão da Silva, de 64 anos, foi assassinado, na manhã desta sexta-feira (13), em frente ao fórum de Cajazeiras. Segundo a Polícia Militar, ele foi atingido por tiros nas costas. A arma usada no crime teria sido uma espingarda calibre 12. O suspeito fugiu.

De acordo com a polícia, Francisco Cristóvão tinha ido ao fórum para acompanhar o julgamento do filho, que responde por crime de homicídio. A suspeita inicial da polícia é de que a morte de Francisco Cristóvão tenha sido uma vingança.

O servente de pedreiro chegou a ser socorrido para o Hospital Regional da cidade, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos.

A Polícia Militar fez rondas nas imediações do local do crime, mas nenhum suspeito foi localizado.

FONTE: PORTAL CORREIO